SESCOOP no Estado de São Paulo
Serviço Nacional de Aprendizagem
do Cooperativismo

 
 
           Login:      Senha:    
 
  
   
 
 

Institucional
Serviços
Programas e Projetos
Cursos e Eventos
Canais de Comunicação
 
  

Sistema Ocesp prepara cooperativas paulistas para exportação
11/11/2020

Desde março, o Sistema Ocesp vem desenvolvendo nas cooperativas agropecuárias paulistas um trabalho de preparação para exportação, graças a um acordo de cooperação técnica assinado com a Confederação Nacional da Agricultura (CNA) e a OCB. Já são mais de 250 empresas rurais sendo atendidas pelo projeto, sendo que 70 estão localizadas no Estado de São Paulo e, dessas, 12 são cooperativas. 

Segundo o Gerente de Desenvolvimento Cooperativo do Sistema Ocesp, Luis Antonio Schmidt, o projeto visa atuar em 6 cadeias de produção: lácteos, mel, pescado, frutas, café especial e amendoim. “A partir desse levantamento, o Sistema Ocesp entrou em contato com as cooperativas que apresentavam perfil convidando-as para conhecer e participar”, conta.

O projeto tem como objetivo abrir canais de exportação para as cooperativas e prepará-las para exportar seus produtos sem depender de terceiros. “É uma forma de assegurar a vantagem competitiva, já que abre oportunidades de atender a outros tipos de mercado além dos que as cooperativas paulistas já atendem. Dessa forma, os empreendimentos melhoram a rentabilidade de seus produtos e asseguram maiores ganhos para seus cooperados”, detalha Schmidt.

Fases

A primeira etapa do projeto consiste na captação e sensibilização dos empreendimentos interessados, fase em que estão algumas das cooperativas paulistas atualmente. “Seguimos também visitando as cooperativas que ainda não aderiram ao projeto, para explicar em todos os detalhes como a iniciativa funciona”, destaca o consultor do Sistema Ocesp, Sinohe Oliveira.

Depois disso, os empreendimentos entram na etapa do plano de ação para exportações, conta o consultor responsável pelo projeto, Aryan Schut, que é graduado em Relações Internacionais e atua com exportações do agronegócio há 12 anos. “Nesta etapa, as cooperativas que aderiram ao projeto recebem um atendimento personalizado e visitas técnicas”, explica o consultor, que costuma ser acompanhado pelos consultores do Sistema Ocesp nas visitas.

“Durante a visita, o objetivo é avaliar o grau de maturidade exportadora dessa cooperativa e fazer um plano de ação de exportação que atenda o empreendimento”, explica Schut. Também deve ser feito o levantamento de qualidade de produto, pesquisas de mercado e de precificação, entre outros.

Rodadas de negócios e webinários

Além do atendimento personalizado, as cooperativas que aderiram ao projeto já puderam participar de duas rodadas de negócios: uma com foco em América do Sul e outra com foco comercial em exportadoras. “Para firmar parcerias e buscar outros mercados”, detalha Schut.

Devido à pandemia do Covid-19, o projeto também teve que ser adaptado para o período de distanciamento social e contou com realização de webinários sobre como exportar, o acesso aos mercados e outros temas relacionados.

Também estão sendo elaborados portfólios digitais e uma vitrine online. “Dessa forma, poderemos expor melhor os produtos dos empreendimentos e fazer ações internacionais. Por fim, como neste momento ainda não podemos realizar viagens, estamos montando mais duas rodadas de negócios e desenhando um processo de missões e prospectivas de viagens”, conclui o consultor.


  
  
 
 
© Todos os direitos reservados ao SESCOOP/SP. Este material não pode ser publicado,
transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.